Skip to main content

Fim de Ano - Cuidados com Diabetes

Fim_de_Ano_-_Cuidados_com_Diabetes

A época de festas de fim de ano é especial para desfrutar da companhia de familiares e amigos. Ter diabetes não deve nos impedir de desfrutar desses eventos.

Para isso, é importante planejar uma viagem com a antecedência suficiente para fazer os preparativos correspondentes. Leia atentamente os conselhos a seguir para aproveitar a viagem, a estada e manter o diabetes sob controle:

  • Marque uma consulta médica, para ser examinado e receber as recomendações sobre como está seu estado de saúde e saber sobre a conveniência da viagem programada. Não se esqueça de solicitar um atestado de sua condição de saúde e uma receita detalhando os medicamentos, já que atualmente isso é solicitado pelas autoridades alfandegárias em viagens domésticas e internacionais, ainda mais quando porta-agulhas, injetores, lancetas, medidor de glicose, comprimidos e insulina, constituem elementos indispensáveis para levar sempre na bagagem de mão;
  • Para viagens com mudança de fuso horário, é importante receber orientação médica para fazer os ajustes apropriados, especialmente quando se utiliza insulina, hipoglicemiantes orais e medicamentos para tratar a hipertensão;
  • Para visitar alguns países, é necessário apresentar um atestado de vacinação. Portanto, devemos nos informar antes da viagem quais vacinas são solicitadas e tomá-las com a antecedência necessária;
  • É indispensável abastecer-se com todos os medicamentos em quantidade suficiente para o tempo de férias, caso algum medicamento se perca ou seja danificado: insulina, se for o caso, seringas, medicamentos e fórmulas médicas;
  • Informe-se sobre os locais, profissionais disponíveis para o tratamento do diabetes e a localização da Associação de Diabetes. No exterior, assegure-se de viajar com um seguro médico internacional;
  • Leve uma identificação pessoal legível, clara e concisa, indicando seu nome, número de telefone, endereço, pessoa para contato, medicamento e doença de que sofre;
  • Se for viajar para um país com idioma diferente, aprenda a escrever e pronunciar palavras-chave como: sou diabético, açúcar, alimento sem gordura, sem açúcar, água, medicamentos, insulina, com baixo sal, ajuda, etc.;
  • De acordo com o trajeto e tempo de viagem, prepare os lanches adequados, que incluam carboidratos e proteínas, como sanduíches, frutas, biscoitos e bolachas, queijo, doces, amendoim, etc.;
  • Em viagens muito longas, especialmente de avião, você deve realizar alguns exercícios para estimular a circulação, se possível, a cada duas horas;
  • Ao chegar ao destino, para se recuperar da viagem, descanse e adote um horário habitual para refeições, exercícios e medicamentos;
  • Para desfrutar plenamente da sua viagem, não se exponha demais ao sol, para evitar queimaduras. Não se esqueça de adaptar sua alimentação e a insulina ou medicamento para a manter o controle glicêmico nas atividades que fizer, como caminhadas, corridas, natação ou simplesmente descansar na praia;
  • Ao provar novos pratos, procure reconhecer os ingredientes e calcular seu valor calórico, já que alguns podem elevar a glicemia ou, ao contrário, não a afetar. Use o medidor de glicose para monitorar cuidadosamente os níveis de açúcar, preferivelmente antes de comer e duas horas depois.

Revisado em: Nov/2016. 059528-160905