Skip to main content

Embriaguez e as consequências para o diabetes

Embriaguez_e_as_Consequencias_para_o_Diabetes

Quando se tem diabetes, é necessário pensar claramente em muitas situações, para que o controle do seu nível de insulina esteja correto, e estar ciente de como irá se sentir caso esteja com hipoglicemia (baixos níveis de glicemia). Você não pode fazer isso se beber muito, exatamente da mesma forma que não pode dirigir um carro com segurança.

Hipoglicemia severa após ingestão de álcool pode levar à morte jovens com diabetes, não tendo nenhuma relação com a possível redução da capacidade do fígado em produzir glicose. Estudos científicos mostram que a embriaguez leva à perda da capacidade de reconhecer os sinais do problema.

Em um estudo, pessoas portadoras de diabetes foram separadas em dois grupos. O primeiro bebeu vinho branco (aproximadamente 600 ml) duas a três horas após a ceia, já o segundo tomou a mesma quantidade de água. Na manhã seguinte, o nível de glicose de quem bebeu o vinho foi de 3 a 4 mmol/L (55-70 mg/dL) e cinco dos seis indivíduos sofreram hipoglicemia sintomática duas a quatro horas após o café da manhã (neste momento não foi detectado álcool no sangue). 

Outro estudo concluiu que o risco de hipoglicemia durante um período de 24 horas, depois de beber aproximadamente a mesma quantidade de álcool, é duas vezes maior. Então, é aconselhável estar preparado para um episódio de hipoglicemia no dia seguinte a uma bebedeira, e também é melhor diminuir a dose de insulina na hora de deitar e antes do café da manhã.

Revisado em: Nov/2016. 059528-160905