Skip to main content

Doces para pessoas com diabetes

doces_para_pessoas_com_diabetes

Cedo ou tarde os jovens com diabetes serão tentados pelos seus amigos e colegas a cederem e satisfazerem a vontade de comer doces. As famílias muitas vezes tentam controlar isso, autorizando doces apenas em determinados dias. Isso é algo que todos os pais podem achar difícil de aplicar. O problema óbvio para uma pessoa jovem com diabetes é que todas essas coisas deliciosas aumentam a glicose. Essa é a razão pela qual muitas vezes os pais sentem ao dizer não.

O problema é que todas as vezes que ouvir um "não" a criança passa a odiar a doença, já que tem tantas limitações. Ela vai acreditar que o diabetes torna tudo impossível.

A ideia não é proibir ou restringir doces para crianças com diabetes. A mensagem deve ser que é possível comer alguns doces ou sorvete, mas é necessário pensar sobre como e quando comê-los para não afetar o nível de glicemia. A maioria dos adultos satisfazem algumas de suas vontades de vez em quando, portanto, as crianças também devem ter a oportunidade de gerenciar sua insulina e os alimentos de forma que possam comer algo doce.

Ir a festas é muito mais divertido se você puder comer a mesma comida que qualquer outra pessoa. No entanto, tal como os adultos não se sentem bem se estiverem festejando o tempo todo, você tem que enfatizar para a criança que ela só pode fazer isso em ocasiões especiais, e não todos os dias. O excesso de doces não é bom nem para as pessoas sem diabetes: eles fornecem calorias vazias, que aumentam o risco de ganho de peso e estragam os dentes.

É tudo uma questão de liberdade com responsabilidade, e isso você precisa dominar com prática e experiência. É importante monitorar a glicose antes e depois de tentar algo novo. Muitas vezes não será perfeito na sua primeira tentativa, mas depois de algumas vezes você vai saber melhor como seu corpo funciona. O diário, portanto, é importante para que mais tarde você se lembre do que fez e como se saiu.

Chocolate

O chocolate contém gordura, o que diminui o ritmo de absorção da glicose e esvazia o estômago lentamente. Por exemplo, você pode comer uma pequena barra de chocolate (24 g = 14 g de carboidratos) em vez de um sanduíche em um lanche. Ocasionalmente, isso é aceitável, mas (da mesma forma como para quem não tem diabetes) você não deve lanchar isso todos os dias. Se você estiver fisicamente ativo, provavelmente será capaz de comer uma pequena barra de chocolate além do lanche habitual sem problemas.

Doces

Uma boa ideia é trocar a maçã do lanche da tarde por uma caixa de doces com gelatina, pois são difíceis de mastigar e fazem com que o açúcar seja absorvido mais lentamente. Guloseimas dietéticas ou com zero açúcar geralmente contêm sorbitol, que é melhor para os seus dentes e aumenta o nível de glicose sanguínea lentamente. Aproveite para explicar às crianças esses detalhes ao mesmo tempo em que elas provam vários tipos de doces, assim, elas podem reconhecer a diferença.

Uma caixa de doces que contém gelatina adoçada com sorbitol (aproximadamente 15 g) tem o mesmo efeito de aumento da glicemia que uma maçã ou uma pera. Manter a baixa ingestão de doce é uma boa regra para todas as crianças que tenham ou não diabetes. O importante é que elas sintam que, na medida do possível, recebem um tratamento igual ao de seus amigos e irmãos sem diabetes quando se trata de doces.

Uma pausa nos doces

Não é fácil administrar o diabetes se você come grandes quantidades de doces. Mesmo assim, muitos indivíduos com diabetes fazem isso. É um pouco como o tabagismo para algumas pessoas: a redução não funciona. Tente, então, evitar comer doces totalmente, pelo menos por enquanto. Se for difícil dizer não a si mesmo, não guarde doces em casa. Infelizmente, comer doces em excesso deve ser um comportamento excepcional de qualquer pessoa com diabetes.

Muitas famílias praticam um sistema no qual deixam de comer doces por um tempo, quer tenham ou não diabetes na família. As crianças, então, recebem dinheiro ou algum outro tipo de bônus se forem capazes de ficar sem doces por seis meses ou um ano inteiro. Esse sistema funciona bem para as crianças, que se beneficiam do fato de não terem doces por outras razões, como aquelas que estão com sobrepeso.

Se você tiver problemas de peso achará difícil equilibrar doce com diabetes. Se comer doces que contêm gordura, o efeito da sua glicemia será menor, mas fará com que você suba de peso. Se comer doces com menos gordura, eles terão um efeito maior sobre seu nível de glicose. Uma pausa total na ingestão de doces pode ser sua única saída nessa situação, caso pretenda controlar tanto seu peso quanto sua hemoglobina glicada.

Gomas de mascar (chiclete)

Gomas de mascar contêm pequenas quantidades de açúcar – cerca de 2 gramas por tira. Portanto, mastigar um pedaço de cada vez por algumas horas não causará problema algum. Mas vale lembrar que o ideal é optar por uma marca com adoçante artificial.

Revisado em: Nov/2016. 059528-160905