Skip to main content

Como controlar o diabetes?

como_controlar_a_diabetes

Quanto mais conhecimento você tiver sobre os diferentes tipos de alimentos e seus efeitos sobre a glicose e peso, mais controle sobre o diabetes você terá. Existem três nutrientes básicos que compõem a grande maioria dos alimentos. Esses "macronutrientes" são os carboidratos, as gorduras e as proteínas.

Carboidratos

O grupo de alimentos que mais impactam seu diabetes são os carboidratos, já que afetam tanto o nível de glicose no sangue como o peso. Os carboidratos são nossa primeira fonte de energia e podem ser divididos em dois grupos: açúcar e amido (às vezes, identificados como "carboidratos complexos"). O açúcar se encontra em diferentes formas: sacarose (açúcar refinado), frutose (na fruta) e lactose (no leite). É importante limitar a quantidade ingerida, pois o açúcar pode aumentar o nível de glicose rapidamente.

Os carboidratos complexos – alimentos com amido – são os mais fibrosos. Entre eles estão pães, batatas, arroz e massas. O corpo precisa separar esse tipo de alimento em açúcares simples antes que eles sejam absorvidos na corrente sanguínea. Isso cria uma liberação de açúcares no sangue de forma mais lenta e constante. Quanto mais fibra os carboidratos tiverem, mais tempo levará para que seu corpo absorva o alimento. Por exemplo, o amido dos legumes se separa mais lentamente que o amido do pão. Alimentos com um conteúdo alto em fibras também são melhores para satisfazer seu apetite. Você se sentirá satisfeito por mais tempo se ingerir pão integral (que é alto em fibra) do que pão branco (que é menor em fibra).    

Gordura

Se você tem diabetes, um objetivo fundamental para o controle de peso deve ser diminuir o consumo de gordura. Isso ajuda a reduzir o risco de doenças nas artérias ou no coração. Tome certo cuidado com as gorduras saturadas, que são os alimentos com grandes quantidades de gordura, como os produtos lácteos ou as carnes vermelhas. A gordura saturada também é encontrada em chocolates, massas e batatas fritas. Verifique a informação nutricional das embalagens, com o propósito de substituir, o máximo possível, as gorduras saturadas por gorduras monoinsaturadas e poli-insaturadas.

Proteína

Em pessoas sem diabetes, a proteína não aumenta os níveis de glicose no sangue. Porém, quem tem o diagnóstico deve estar consciente de que as proteínas estimulam a liberação do glucagon, que ajuda a transformar a proteína em glicose (um processo chamado gluconeogênese).

Ao contrário do que se pensa, a proteína não faz com que a absorção dos carboidratos seja mais lenta. Os alimentos ricos em proteínas podem fazer você se sentir satisfeito, o que será uma vantagem caso esteja controlando o peso. Carne e peixes são alimentos ricos em proteínas e, também, em gordura, por isso as carnes magras devem ser priorizadas.     

O seu nutricionista explicará mais sobre o impacto dos diferentes tipos de alimento no seu nível de glicose e no peso. Também há algumas regras básicas para comer, que serão capazes de assegurar que você esteja se alimentando corretamente.

Revisado em: Nov/2016. 059528-160905