Skip to main content
Diabetes_Depressao_e_Ansiedade

Diabetes, Depressão e Ansiedade

Se você tem dificuldades para aceitar ou controlar o diabetes, é importante contar isso a algum profissional que faz o acompanhamento de seu tratamento. Tente relatar quaisquer emoções negativas a eles. Se isso não for feito, você pode apresentar um quadro de ansiedade ou, até mesmo, de depressão. Afinal, diabetes e depressão estão muito ligados.

Confrontar o diabetes nem sempre é fácil e as pessoas podem reagir de formas diferentes. Depois de ser diagnosticado, o diabetes estará com você até o resto da sua vida. Isso pode ser desanimador. Talvez você precise fazer algumas alterações na sua vida, a fim de controlar seu diabetes. Conheça algumas questões que você pode ter que enfrentar:

  • Fazer exames de sangue frequentemente;
  • Mudar sua dieta;
  • Começar a ter medo de soluços;
  • Lidar com algumas restrições ao dirigir;
  • Sofrer algum embaraço em relação à hipoglicemia;
  • Sentir-se socialmente diferente;
  • Ter algum impacto no emprego;
  • Ter consciência de que é para o resto da sua vida.

Apresentar ansiedade com relação ao seu diabetes e ao futuro da sua saúde é normal para quem recebeu o diagnóstico. Você pode sentir-se irritado e preocupado com o impacto que a doença vai trazer para a sua vida. Sentir-se culpado pelo peso corporal e por levar uma vida pouco saudável também é bastante comum. É natural que você fique deprimido por ter uma doença progressiva até o resto da sua vida. E você pode ser mais propenso a se sentir deprimido ou ansioso com relação ao diabetes se tiver outras complicações de saúde, como doenças cardíacas.

Algo que pode ajudar é concentrar-se no fato de que a maioria das pessoas de meia-idade enfrentam os mesmos problemas relacionados às complicações de saúde a longo prazo (tais como ataques cardíacos e acidentes cerebrais vasculares), mesmo que não tenham diabetes. Se você estiver se sentindo ansioso ou deprimido, é importante que você procure apoio emocional como os profissionais com os quais faz o tratamento. Afinal, quando se está lutando emocionalmente, é mais difícil gerenciar seu diabetes corretamente, o que aumenta o risco de desenvolver complicações de saúde.

Com o tempo, e com muito apoio, é provável que você aceite o seu diabetes e consiga assumir o controle da sua vida de novo.

Revisado em: Nov/2016. 059528-160905